As Ilhas das Berlengas conta com a presença humana desde o ano 1000 a.C. e foi um local bastante importante na rota marítima atlântica, que fazia ligação entre o Sul e o Norte do Continente Europeu.

Por estas águas navegaram civilizações fenícias, romanas e mais tarde, os portugueses aquando navegavam pelo mundo fora em busca de novos territórios.

Forte de São João Baptista das Berlengas

Forte de São João Baptista das Berlengas

Durante o século XV, foi um lugar de bastante interesse para a realeza portuguesa para a prática da caça do coelho, e por esta razão, D. Afonso V declamou este pequeno arquipélago como uma área protegida, proibindo quaisquer acções prejudiciais na vida selvagem ali presente.

Foi neste mesmo século, que se instalou nesta ilha, um grupo de pescadores. Foi construído, no século XVI, sito no actual Bairro dos Pescadores, um Mosteiro da Ordem Jerónima, no qual os monges estiveram sempre ao serviço religioso, prestando assistência às tripulações que por ali passavam.

Infelizmente, por estar bastante isolado, foi alvo de muitos ataques de vários povos europeus e africanos, conduzindo ao término da actividade religiosa deste mosteiro.

Hoje em dia, nos terrenos pertencentes ao mosteiro, localiza-se o Parque de Campismo classificado como um dos melhores da Europa.

Partilhar esta página

Facebook Google Pinterest
StumbleUpon Twitter