Localização das Berlengas

As Berlengas localizam-se a 15 Km da Costa Oeste de Peniche, mais propriamente de Cabo Carvoeiro.

Peniche, pertencente ao distrito de Leiria, é a cidade mais ocidental da Europa Continental.

Embora seja uma península (criada por um tombolo – acidente geográfico que faz com que uma ilha seja unida ao continente por uma estreita faixa (barra) resultante da acumulação de sedimentos (areia ou terra), que se formou durante o século XVII, fonte: Wikipédia), foi outrora uma ilha.

Desde a Pré-História que o Homem demonstrou interesse e ocupou este território, o qual acolheu também as mais variadas e antigas civilizações (Fenícios e Romanos).

Praia do Forte nas Berlengas
Praia do Forte nas Berlengas

Mapa das Berlengas


Mapa das Berlengas na geografia de Portugal continental

Mapa das Berlengas
Mapa das Berlengas

A região


Um local muito ligado ao mar e à vida piscatória, toda a sua população vivia do peixe e do sal, e também da agricultura. Esta região tem longas e belas praias, razão pela qual o turismo balnear já tem bastante expressão nos dias de mais calor.

O ponto mais ocidental da Península de Peniche é o Cabo de Carvoeiro, onde a cerca de seis milhas, localiza-se a Reserva Natural das Berlengas.

O Cabo Carvoeiro, o cabo mais ocidental da costa continental portuguesa, representa um valioso património geológico e paisagístico e é constituído por imensas falésias calcárias.

Para além de ser um verdadeiro observatório natural de aves, podemos visitar o Santuário de Nossa Senhora dos Remédio que remonta ao século XVIII e o Farol do Cabo Carvoeiro (25 mt.), construído para evitar os imensos naufrágios sucedidos nestas águas.

A Gruta da Furninha testemunha a presença do Homem de Neandertal, ou seja, há cerca de 20.000 anos.


Geografia das Berlengas


Farol da Berlenga
Farol da Berlenga

Coordenadas do Ponto Central:

  • Longitude: W 09º 30º
  • Latitude: N 39º 24º
  • Área Terrestre: 104 ha
  • Área Marítima: 9456 ha
  • Área Total: 9560 ha

As Berlengas localizam-se na costa oeste da Península Ibérica, a Ocidente do Cabo Carvoeiro – Peniche, e são um arquipélago constituído por um enorme bloco de granito, representado por três pequenos ilhéus – a Berlenga Grande, que ilustra ⅔ da superfície total da ilha, estando separada devido a uma erosão marítima de uma ilha mais pequena, a Ilha Velha, acompanhada por dois recifes adjacentes, as Estelas e os Farilhões.

É uma Reserva Natural, a qual não oferece fáceis acessos a toda a ilha (unicamente de acesso aéreo ou marítimo), existindo no entanto, 2 Km de trilhos onde é possível desfrutar da beleza única de grande parte da ilha.

Explorar as grutas das Berlengas de barco
Explorar as grutas das Berlengas de barco

Arquipélago das Berlengas


Visitar Berlengas
Visitar Berlengas

O Arquipélago das Berlengas é composto por várias ilhas, ilhotas e rochas, mas a parte principal da sua geografia resume-a três locais:

Ilha da Berlenga Grande

Ilhas Estelas

Ilhotas Farilhões


Ilhas, ilhéus e rochas do Arquipélago das Berlengas


  • Ilha da Berlenga
  • Ilhéu da Pont
  • Cerro da Velha
  • Ilhéu dos Soldados
  • Ilhéu da Quebrada
  • Ilhéu da Lagoa
  • Rinchão
  • Pedra Negra
  • Ilhéu Maldito
  • Ilha Edralão
  • Ilha Estela
  • Meda do norte
  • Meda do Sul
Reserva Mundial da Biosfera

As Berlengas possuem desde de 2011 o selo da Unesco, como Reserva Mundial da Biosfera, pois representam uma exímia importância relativamente ao seu precioso ecossistema, recheado de uma fauna de grande valor ao nível marinho e avifauna, tal como ao nível botânico.

A reserva marinha conta com cerca de 10 ha enquanto que a reserva terrestre com 104ha., onde a Berlenga e as Estelas são constituídas por rochas magmáticas, de granitos vermelhos e os Farilhões, de rochas metamórficas, ou seja, xistos e gnaisses.

As montanhas deste arquipélago estão repletas de falhas tectónicas que ocasionaram belíssimas grutas, visitadas por milhares de pessoas por ano.

Trilhos e caminhadas nas Berlengas
Trilhos e caminhadas nas Berlengas

O seu clima tem uma grande influência atlântica, mas também mediterrânea, promovendo por vezes ventos muito fortes. Chove intensamente nos meses de Inverno e é por vezes bastante árido nas meias estações.


Perguntas frequentes


Como dormir nas Berlengas?

Há três maneiras possíveis de dormir nas Berlengas: no Forte S. João Baptista, no Pavilhão Mar e Sol e ainda no Parque de Campismo. Consulte a página completa sobre alojamento nas Berlengas.

Como ir para Berlengas?

Chegar às Berlengas é fácil, só tem de apanhar um barco no porto marítimo de Peniche, e depois de uma viagem de 30 minutos chega à ilha principal. Consulte a página completa sobre como apanhar um barco para as Berlengas.

Berlengas como visitar?

As Berlengas só se podem visitar de duas maneiras: a pé por si explorando a ilha principal. Em barco de excursão, conseguindo chegar a pontos onde não conseguirá ir sozinho, e ouvindo explicações profissionais da história, fauna e flora do local. Consulte a página completa sobre os locais de interesse para visitar as Berlengas.

Berlengas onde fica?

As Berlengas localizam-se a 15 Km da Costa Oeste de Peniche, mais propriamente de Cabo Carvoeiro. Consulte a página completa sobre a localização das Berlengas.

Berlengas onde dormir?

Devido às escassas opções de alojamento na Berlenga, aconselhamos a reservar um quanto em Peniche. Consulte a página completa sobre a hotéis em Peniche.

Onde comer nas Berlengas?

Tal como o alojamento, as possibilidades de comprar comida ou de comer fora nas Berlengas são poucas. Estão a funcionar apenas dois Restaurantes e um Mini-Mercado, com serviço de Bar. Consulte a página completa sobre onde comer nas Berlengas.



Alojamento em Peniche


Booking.com
Hotel-MH-Peniche